O Que Você Vê Num Copo de Vinho

A capacidade de percepção do homem é uma coisa incrível. Nossos olhos enxergam algo e nossa mente pode criar um mundo ao redor daquilo que seu aparelho visual é capaz de captar!

Encontrei a descrição abaixo lendo um livro sobre Educação, resolvi transcrevê-la primeiro por ter me encantado com as palavras do astrônomo e segundo para servir de inspiração para nós que infelizmente nos deixamos absorver pelas coisas do cotidiano e muitas vezes deixamos de sonhar e com isso deixamos de criar para nós mesmo uma realidade mais bela e mais verdadeira…

Essa foi a resposta que um astrônomo deu a seguinte pergunta: O que o senhor vê nesta taça de boldelês (um tipo de vinho)?

“Vejo o nascimento do Universo, pois vejo as partículas que se formaram nele nos primeiros segundos.
Vejo o Sol anterior ao nosso, pois nossos átomos de carbono foram gerados no seio deste grande astro que explodiu.
Depois, este carbono ligou-se a outros átomos nesta espécie de lixeira cósmica em que os detritos, ao se agregarem, vão formar a Terra.
Vejo a composição das macromoléculas que se uniram para dar nascimento à vida.
Vejo as primeiras células vivas, o desenvolvimento do mundo vegetal, a domesticação da vinha nos países mediterrâneos.
Vejo os bacanais e os festins.
Vejo a seleção das castas, um cuidado milenar em torno dos vinhos.
Vejo, enfim, o desenvolvimento da técnica moderna que hoje permite controlar eletronicamente a temperatura de fermentação das tinas.
Vejo toda a história cósmica e humana neste copo de vinho, e também é claro, toda a história específica do boldelês”.
Michael Cassé, astrônomo

Termino com uma outra pergunta, agora para mim, para você, para todos nós…

O que somos capazes de enxergar na realidade à nossa volta?