Ho’oponopono

Sinto muito. Por favor, me perdoe. Obrigada. Eu te amo.

Por que dizemos essas frases?

É bem provável que você já tenha se deparado com essas frases por aí, nas redes sócias principalmente, ou mesmo tenha ouvido de algum amigo.
Trata-se do Ho’oponopono. É um método de purificação (limpeza) e cura energética criado no Havaí por Morrnah Nalamaku Simeona, muito difundido através dos livros do escritor e palestrante Joe Vitale.
Existem algumas variações nas frases como também na ordem. Há quem diga que tanto faz você falar “Obrigada” ou “Sou grata”, por exemplo. Eu discordo nesse ponto, pois acredito que cada palavra tenha uma vibração específica.
Quando você faz o ho’oponopono você está conscientemente limpando seus carmas. E isso pode apresentar resultados imediatos. O que não quer dizer que você pode sair fazendo besteiras por aí e depois limpar com o ho’oponopono. É uma grande ilusão achar que se pode enganar o Universo.
Quando falo em limpeza de carma refiro-me à coisas que você fez no passado sem ter consciência exata do que estava fazendo e que agora essas energias permanecem perto de você muitas vezes travando as suas realizações.
Mas, qual é a explicação para essas frases? E por que dizê-las nesta ordem?
Dizer em primeiro lugar: “Sinto muito” e em seguida “Por favor, me perdoe”. Você diz isso para reconhecer que alguma coisa – sem que você saiba o que é – entrou no seu sistema corpo/mente. Você não tem a menor ideia de como ela entrou. Você não precisa saber. Por algum motivo você absorveu aquela programação e ela agora está funcionando pra você, como algo não favorável. Você reconhece o fato e entende a sua responsabilidade diante daquilo (jamais se culpe, ser responsável é bem diferente de culpado, atente-se para isso).
Ao dizer “Sinto muito”, você está dizendo ao Universo que deseja o perdão dentro de si mesmo para o que quer que tenha trazido isso para você. Você não está pedindo ao Universo que o perdoe; você está pedindo ao Universo que o ajude a perdoar a si mesmo.
Em seguida, você diz “Obrigada” e por último “Eu te amo”. Quando você diz “Obrigada”, você está expressando gratidão. Você está demonstrando a sua confiança de que a questão será resolvida para o bem maior de todos os envolvidos. O “Obrigado” ou “Obrigada” cela um compromisso entre você e o Universo, é como se vocês tivessem feito um acordo. É diferente de “Sou grato” ou “Sou grata”. É um aperto de mãos entre você e o Universo.
A frase “Eu te amo” transmuta a energia. Ela o religa ao Universo. “Eu te amo” representa Deus. Deve ser dito por último para fechar o ciclo através da Divindade Maior.
O que acontece em seguida é da alçada cósmica. Você pode se sentir inspirado a tomar alguma medida. Seja o que for, faça-o (mesmo que parece meio maluco). Você acabou de se religar ao Universo, ou seja, apertou o “On” da Intuição, então, não desperdice a informação que você esteja recebendo. Confie.
Caso não lhe ocorra nada de imediato, você pode usar da mesma técnica para acalmar sua mente e encontrar a melhor solução para a sua questão.
E muito importante que você comece sempre fazendo para você mesmo, e inicie um processo de auto cura e limpeza cármica.
Depois você pode fazer para aqueles que você conhece e queira ajudar. Você também pode aplicar o método para situações de sua vida, como seu trabalho, seu relacionamento com alguém, sua saúde, entre outras coisas.
Quando você melhora a sua energia e seu carma, todos ao redor são beneficiados. Quando você dedica seu tempo para melhorar a energia de alguém, você beneficia a pessoa, você e também todos ao redor.
E o Universo retornará toda essa energia para você.
A paz deve começar em você para que possa se espalhar pelo mundo.
Faça a sua parte. Eu estou fazendo a minha.

Sinto muito. Por favor, me perdoe. Obrigada. Eu te amo.