Planetas

Cada um dos planetas representa um papel em sua vida. Alguns são mais proeminentes ou influentes que outros. A proeminência de um planeta em seu horóscopo é determinada por seu signo, pela posição da casa e pelos aspectos que ela faz com outros planetas. Não há fórmulas prontas para determinar isso. Faz parte da arte da Astrologia. Cada planeta tem suas próprias características e representa determinados fatores da personalidade.

Você provavelmente conhece seus temas pessoais dominantes, mas pode haver outros que ainda não percebeu nem desenvolveu. A Astrologia pode ajudar a identifica-los para que você possa aproveitar ao máximo sua energia planetária pessoal.

SOL

Tipo de Planeta: Planeta Pessoal
Ciclo Orbital: 1 ano
Signo Regido: Leão
Casa Natural: 5ª Casa (Diversão, Lazer, Criatividade, Filhos, Romance)

Importância: Seu investimento mais forte no ego e na autoestima, expressão criativa, anseios básicos, sua identidade.

Mitologia: Apolo, o Deus do Sol e filho de Zeus, é descrito como um jovem vibrante e está associado à profecia, às artes, à cura, à luz e à música.

O signo solar é a constelação em que o Sol se encontrava na hora exata do nascimento. O Sol descreve a personalidade, o espírito, o ego, os talentos e a individualidade. É a face que mostramos ao mundo, a forma como somos conhecidos. O Sol rege a masculinidade e os homens relevantes no mapa. Revela também o temperamento e a atitude diante da vida, a autoconfiança, o sentido de autovalorização e a capacidade para a autossuficiência. A força de vontade, a determinação, a resistência diante das adversidades e a capacidade de vencer desafios são as características reveladas pelo Sol no mapa astrológico. Também indica qualidades de liderança, o grau do desejo de poder e autoridade, o relacionamento com os superiores, a reputação e o sentido de orgulho e honra. Também são revelados os impulsos para a diversão, a experimentação e a criação; a capacidade de concretizar novas idéias e formas; a capacidade para o prazer, a alegria e a felicidade; a saúde, principalmente o vigor e a energia do indivíduo, além de seu poder de recuperação.

LUA

Tipo de Planeta: Planeta Pessoal
Ciclo Orbital: 27,33 dias
Signo Regido: Câncer
Casa Natural: 4ª Casa (Lar, Família, pais)

Importância: Seus laços emocionais mais fortes, área da vida com mais flutuação, necessidade de segurança, expressão emocional, instintos, criação, intuição.

Mitologia: Diana era a irmã gêmea de Apolo, o Deus do Sol. Era a Deusa da Caça.

A Lua reflete o verdadeiro caráter da alma, ela governa o interior do indivíduo, visto somente por quem o conhece muito bem. É responsável pela “vida interior”, que inclui os sonhos e a mente subconsciente, assim como os hábitos, a intuição e as ações instintivas.

Ela têm o poder sobre os sentimentos e as emoções mais íntimas dos indivíduos. Ela não tem luz própria, mas reflete a luz, o que sugere que nos torna capazes de ser influenciados pelas emoções alheias. No mapa ela representa a imaginação e o lado feminino e receptivo, e ainda o impulso de cuidar, o instinto maternal, a fertilidade, a possibilidade de gravidez, o parto e a criação dos filhos. A Lua revela no mapa quais são nossas necessidades psicológicas para que fiquemos seguros e principalmente, o relacionamento com a mãe e com outras mulheres de grande importância na vida da pessoa. Ela também pode indicar o estilo de criação dos filhos.

As fases da Lua são períodos nos quais deveríamos prestar atenção para nos orientar na tomada de decisões em nossa vida diária. O período em que a luz da Lua Nova aumenta, propício para plantar as sementes de novos inícios. Uma semana depois, o Quarto Crescente indica um período de superação de obstáculos e avanço no caminho do crescimento. Duas semanas depois da Lua Nova, a Lua Cheia é o período de prazer e culminância. A energia é alta na Lua Cheia, proporcionando grande produtividade e a concretização de projetos. O Quarto Crescente acentua as questões da vida diária e indica um bom período para agir instintiva e espontaneamente, e experimentar um crescimento sólido. O Quarto Minguante dá destaque aos impulsos criativos subconscientes e ajuda a tornar claros os valores interiores por meio da reflexão sobre eventos recentes. O Quarto Crescente é uma época de muita atividade, enquanto o Quarto Minguante, seguinte à frenética atividade da Lua Cheia, traz liberação e repouso, sendo um período para absorver o que aconteceu e reunir energia para a próxima Lua Nova.

MERCÚRIO

Tipo de Planeta: Planeta Pessoal
Ciclo Orbital: 88 dias
Signo Regido: Gêmeos e Virgem
Casa Natural: 3ª Casa (Comunicação) e 6ª Casa (Serviços, saúde, colegas de trabalho, animais de estimação)

Importância: Mente consciente, processo de pensamento, como a mente processa e direciona pensamentos, estilo de comunicação.
Mitologia: Mercúrio, filho de Júpiter, era o Deus Mensageiro, um atleta notável que usava sandálias aladas. Ele também era o Deus do Comércio e das Viagens.

O “mensageiro dos Deuses” é considerado o planeta mais objetivo no mapa astral e é o único totalmente neutro, quando forma certos ângulos com outros planetas, Mercúrio ajuda a direcionar com mais precisão e lucidez a sabedoria daqueles corpos celestes. Quem têm Mercúrio em destaque no mapa é considerado ágil, adaptável e inteligente.

Este planeta rege a inteligência, o funcionamento da mente, a linguagem e toda forma de comunicação e interpretação. Também governa a capacidade de raciocínio, a adaptabilidade e a versatilidade. Regras e procedimentos, e também o ensino, a pesquisa e as atividades de relatar, responder ou reagir fazem parte do domínio de Mercúrio. Também são regidos por esse planeta as coisas novas e antigas, os documentos raros, os autógrafos, manuscritos, discursos, acordos e contratos. Mercúrio estimula as ações de ouvir e responder, aprender e refletir. Outras funções influenciadas pelo planeta incluem as diversas formas de viajar e também o comércio: vendas, trocas, importações e exportações.

VÊNUS

Tipo de Planeta: Planeta Pessoal
Ciclo Orbital: 225 dias
Signo Regido: Touro e Libra
Casa Natural: 2ª Casa (Ganhos e gastos, bens materiais) e 7ª Casa (Parceiros, relações próximas, adversários conhecidos)

Importância: O que você atrai, como interage com os outros, parceria.

Mitologia: Vênus era a Deusa do Amor, Fertilidade, Jardins, Vinhedos e Beleza. Ela era a filha de Júpiter.

No mapa astral, o papel de Vênus é adicionar amor, amizade e beleza. Sem ele, a vida seria triste, pois o planeta governa a ternura, a alegria, a harmonia e até a capacidade para o humor. Ele também governa o senso estético e as interações sociais em todos os níveis. Vênus mostra que os seres humanos devem se divertir neste mundo. Também pode aumentar a autoestima e a autoconfiança, encorajando-nos a amar abertamente e também a receber amor. Quando o planeta está em destaque no mapa de forma positiva, o nativo será favorecido por mulheres, porque ele simboliza o relacionamento com elas e a feminilidade.

As vantagens financeiras são outro aspecto positivo de Vênus, e este adorável corpo celeste governa o dinheiro e os presentes. Vênus tem uma qualidade decorativa e um sentimento de abundância e luxo. Além disso, o planeta está associado com a criação, a reprovação e a fertilidade. Portanto, seu objetivo é conceder ao mundo criatividade e vida nova, juntamente com mais prazer.

O papel mais importante de Vênus diz respeito ao romance e ao amor. Este planeta dá indicações sobre as qualidades gerais necessárias para um amante ideal e sobre o andamento do caso de amor: garantir que a centelha inicial de amor se mantenha e dar aos amantes um desfrute duradouro, se eles forem realmente compatíveis.

Para o homem, Vênus indica o tipo de mulher que ele poderia amar e também a natureza do relacionamento romântico. Para a mulher, o planeta indica o tipo geral de relacionamento romântico de que ela necessita – seu tom, intensidade e o tipo de equilíbrio entre independência e intimidade que ela intuitivamente procura.

E outro nível, também se diz que Vênus aprofunda a amizade ou fortalece a ligação entre pais e filhos, além de trazer popularidade para um governante.

MARTE

Tipo de Planeta: Planeta Pessoal
Ciclo Orbital: 1 ano e 11 meses (688 dias)
Signo Regido: Áries
Casa Natural: 1ª Casa (Eu)

Importância: Ponto para o qual direciona suas energias e se empenha para conseguir alcançar; força física e resistência; o que o motiva; ponto em que você mostra iniciativa.

Mitologia: Marte inicialmente era o Deus das Fazendas e da Agricultura e depois tornou-se o Deus da Guerra. Seu pai era Júpiter, sendo seus filhos Rômulo e Remo, e sua amante era Vênus.

É conhecido como o planeta guerreiro, por sua coragem, força e capacidade de superar os adversários por meio do tempo ou da distância. Governa todo o aspecto dos eventos masculinos (sexo, combate, riscos). O planeta é ousado, forte, explorador e estimulante.

Marte faz as coisas acontecerem, trazendo resistência, ambição, determinação, instinto de sobrevivência. Ele nos estimula a prosseguir, mesmo que o caminho se torne difícil.

JÚPITER

Tipo de Planeta: Planeta Transicional
Ciclo Orbital: 12 anos
Signo Regido: Sagitário
Casa Natural: 9ª Casa (Educação Superior, Viagens, Filosofia de Vida, Religião)

Importância: Ponto em que você pode atrair abundância e sorte; em que é menos cauteloso; em que quer ganhar conhecimento e pode se beneficiar mais com isso.

Mitologia: Júpiter, o Deus da Terra e dos Céus, era um protetor, mas também o Deus da Justiça. Ele estava associado ao clima e, desse modo, entregava a justiça com raio e trovão.

Júpiter traz esperança, honestidade, espiritualidade e compaixão. Ele é conhecido como o planeta afortunado porque expande ou cria oportunidades em qualquer setor do mapa que esteja visitando, além disso, amplia a visão e proporciona um sentimento de compreensão e inclusão com relação aos outros, além de trazer fé, otimismo, lealdade, justiça, confiança. Ele nos mostra um quadro abrangente que nos faz pensar com grandeza. O planeta aumenta tudo o que toca. Ele também rege a riqueza e os ganhos financeiros palpáveis e sólidos, pois fornece sorte dá presentes. Ao mesmo tempo, o planeta rege a filosofia, a filantropia, os estudos, a ética, a moralidade e a medicina. Esse planeta curioso e poderoso promove a criação de ideias em todas as nações, cores, raças e até mesmo épocas. Júpiter também promove as viagens longas e a pesquisa de diversas culturas.

SATURNO

Tipo de Planeta: Planeta Transicional
Ciclo Orbital: 29 anos e 6 meses
Signo Regido: Capricórnio
Casa Natural: 10ª Casa (Carreira e Status)

Importância: Suas maiores lições de vida, ponto em que se sente inadequado, sua ambição de vida.

Mitologia: Saturno era o Deus da Agricultura e o filho de Urano. Saturno regia a Saturnália, que acontecia próximo ao solstício de inverno, que pois se tornou o Natal cristão.

Este exigente planeta aconselha prudência, adiamento, redução, limitação, responsabilidade, regras e regulamentos, dor, medo, separação, ansiedade, aprendizado com esforço, autoridade, disciplina, controle e parcimônia. Saturno não tolera atalhos. Ele nos segura e obriga a enfrentar as situações, principalmente aquelas que procuramos evitar. Por sua natureza postergadora, Saturno ensina o valor da maturidade, da paciência, da prudência e do sacrifício. Este planeta também é sério, maduro, reservado, sóbrio e devotado. Saturno rege todos os fundamentos, desde o esqueleto do corpo humano até a hierarquia da organização de uma empresa.

Quando alguém passa pelo retorno de Saturno (acontece a cada 29 anos), a pessoa cresce, ela é forçada a tomar uma decisão adulta.

Quanto mais necessária for uma lição de Saturno, mais difícil ela será.

URANO

Tipo de Planeta: Planeta Geracional
Ciclo Orbital: 84 anos
Signo Regido: Aquário
Casa Natural: 11ª Casa (Amigos, Grupos, Metas e Objetivos)

Importância: Ponto em que você busca liberdade, oportunidade e independência, contra o que se revolta, em que você é anticonvencional, em que pode esperar mudança.

Mitologia: Urano era o Deus do Céu e o filho e marido de Gaia (Terra). Ele foi castrado por Saturno, e Vênus nasceu quando seus genitais caíram na Terra.

Planeta inovador, inventivo e especulativo, Urano pretende trazer criatividade, surpresa e até genialidade para tudo o que toca. Esse planeta rompe com os padrões estabelecidos de pensamento, criando mudanças súbitas e até mesmo radicais, substituindo o que era por algo novo e melhor. Ele é o planeta do futuro, das novas tecnologias. Urano rege a exploração espacial, a internet, os computadores, as telecomunicações, a aviação, as transmissões o vídeo e a fotografia digital. Também promove todo tipo de pesquisa pioneira na medicina e na engenharia, de transplantes a clonagem, biologia e biofísica. A astrologia, as experiências mediúnicas, a acupuntura e outras novas formas de cura holística e homeopática pertencem a Urano.

O planeta é eletrizante, liberador, estimulante, errático, incomum e estranho. Sua influência é intuitiva, instintiva, imaginativa, inventiva, pesquisadora, curiosa, inconformada, voluntariosa e intelectual. Esse planeta é considerado a oitava acima de mercúrio, pois Urano vai um nível além, empregando a intuição derivada da sabedoria adquirida pela experiência. Urano é também chamado de grande sintetizador, porque sua atuação consiste em amalgamar a informação reunida pelos outros planetas, obtendo um todo novo e poderoso.

Urano dá a capacidade de personalizar e individualizar conceitos e ideias.

NETUNO

Tipo de Planeta: Planeta Geracional
Ciclo Orbital: 165 anos
Signo Regido: Peixes
Casa Natural: 12ª Casa (Inconsciente, Segredos, Autorrenovação)

Importância: Ponto em que você tende à ilusão e a decepção; o que o inspira.

Mitologia: Netuno foi o Deus do Mar, dos Corpos de Água Doce e dos Cavalos. Ele era o filho de Saturno e irmão de Júpiter e Plutão.

Esse planeta representa o idealismo, o altruísmo, o sacrifício, os sonhos e tudo o que a lógica e a ciência não conseguem explicar, confirmar ou determinar. Seu papel é ajudar-nos a transcender a realidade diária e trazer-nos para uma condição mais meditativa e espiritual, em que as ideias tenham asas e os sonhos pareçam tão reais que possamos tocá-los. Suas dádivas são compaixão, bondade, empatia, desprendimento e generosidade natural. Netuno nos ajudar a receber informações do hemisfério direito, imaginativo e visual, contornando o intelecto e falando diretamente com a intuição, a alma, o coração e o inconsciente. Este planeta tem o olhar voltado para a eternidade. Como a oitava acima de Venus, Netuno expandiu a apreciação cultural da beleza e do amor. Espiritual, clarividente, intuitivo, sutil e misterioso, este encantador planeta expande a imaginação, construindo realidades alternativas. Netuno rege o subconsciente, o psicológico e tudo o que é místico.

PLUTÃO

Tipo de Planeta: Planeta Geracional
Ciclo Orbital: 248 anos
Signo Regido: Escorpião
Casa Natural: 8ª Casa (Recursos conjuntos, Oculto, Produto dos Relacionamentos, Heranças)

Importância: Ponto em que você quer poder, ter responsabilidades ou se sente incompetente; ponto em que experiencia a transformação e a mudança profunda.

Mitologia: Irmão de Netuno, Plutão era o Deus do Submundo.

Plutão está associado a vibrações muito pesadas. E um planeta frio, coberto de gelo e escuro, distante e enigmático, mas também está associado a renascimento, regeneração e transmutação. O planeta está associado à morte como transformação final da energia vital, mais também rege outras “mortes”, como términos importantes e até as cirurgias.

Plutão afeta particularmente toda uma geração, estabelecendo questões e temas que as sociedades trabalham em conjunto.

Ele também rege aspectos psicológicos como fobias, medos, sentimentos de alienação, isolamento e separação.

Plutão tem uma força incomum e a capacidade de se refazer diante de qualquer obstáculo. Mais do que qualquer outro planeta, ele simboliza a capacidade miraculosa do ser humano para triunfar em todas as dificuldades, como a fênix mitológica que se ergue, renascida e renovada, das cinzas da derrota.

As informações desse texto foram compiladas dos seguintes livros:
RISKE, Kris Brandt – O livro completo da astrologia: o jeito fácil de aprender astrologia – Tradução: Aline N. Sassaki, São Paulo: Madras, 2010.
MILLER, Susan – Planetas e possibilidades – Tradução: Doralice Lima – 2ª Ed. – Rio de Janeiro: Best Seller, 2011.